AtualidadecoronavírusGrândola

Covido19: Grândola desceu na classificação de risco

- publicidade -

O boletim diário da DGS regista esta segunda-feira, 4 de Janeiro, os dados das taxas de incidência de casos acumulados de infeção por covid19 entre 14 e 27 de dezembro, e são agora 25 os concelhos que estão em ‘risco extremo’ de infeção pelo covid19, menos 1 em relação aos dados anteriores.

No distrito de Setúbal, mantêm-se em risco ‘muito elevado’ os concelhos de Almada, Alcochete, Barreiro e Moita, submetidos a diferentes regras de confinamento.

Depois de ter estado na lista de concelhos em risco ‘muito elevado’, o concelho de Grândola passou a integrar a lista dos concelhos em ‘risco elevado’, a par com Alcácer do Sal, Palmela, Seixal, Sesimbra e Setúbal.

Sines e Santiago do Cacém mantêm o ‘risco moderado’.

Na nota explicativa dos dados por concelhos é referido que a incidência cumulativa “corresponde ao quociente entre o número de novos casos confirmados nos 14 dias anteriores ao momento de análise e a população residente estimada”.

Com zero casos de infeção estão nove concelhos: Alcoutim, Lajes das Flores, Lages do Pico, Santa Cruz das Flores, Barrancos, Arronches, Nordeste, S. Roque do Pico e Corvo.

Também 29 concelhos registaram menos de 119 ocorrências por 100 mil habitantes, quando no último boletim, de 28 de dezembro, eram 41 concelhos com estes valores.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui