AtualidadeInternacional

Vítimas de violência domésticas lembradas pelo Papa no Vaticano

- publicidade -

No domingo que muitos países assinalam o Dia da Mãe, o Papa Francisco recordou hoje no Vaticano as vítimas de violência doméstica, afirmando que a prepotência humana conduz a uma ‘degeneração do amor’.

«Penso no amor doentio que se transforma em violência – e quantas mulheres são vítimas da violência, hoje. Isto não é amor, declarou o Papa antes da recitação da oração do ‘Regina Caeli’ perante centenas de peregrinos reunidos na Praça de São Pedro.

Após a oração, Francisco pediu um aplauso para o novo beato da Igreja Católica, o juiz Rosario Livatino, assassinado aos 38 anos, em 1990, pela Stidda, organização mafiosa da Sicília (Itália) e o encontro de oração com peregrinos encerrou com uma saudação para as mães.


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui