Famosos

Toy na luta pela sobrevivência fez exigência à SIC que foi obrigada a pagar-lhe um ordenado

- publicidade -

A pandemia afectou grande parte da classe artística e Toy não foi exceção: “A minha safa financeira em 2020 foi a novela ‘Amor Amor’, da SIC, e o convite que me foi endereçado pela SP Televisão”, para fazer o genérico do programa d ficção de horário nobre da SIC.

Mas Toy conta, em exclusivo, na ‘TV Guia’ que exigiu receber por isso: “Quando tinha muitos concertos, nunca cobrei cachê para ir à televisões. Sempre considerei que era uma forma simpática de promover as minhas músicas. Só que, quando estoirou a pandemia, comecei a ser muito convidado para ir às TV.”

E as televisões aceitaram pagar ao artista “Sempre geri as minhas participações na base do instinto. Se um amigo me convida, não lhe cobro, vou na boa. Eh, pá, agora não posso estar um ano inteiro a dar borlas. Sei que as produtoras, nos orçamentos, têm parcelas para pagar a artistas. Achei justo, já que dou audiências, que me paguem. Não peço exorbitâncias, só que cubra as despesas.”

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui