AtualidadeCovid-19País

Tem filhos? Segurança Social alargou o prazo para empresas pedirem apoio para pais que fiquem em casa

A Segurança Social alargou até 13 de maio o período para solicitar apoio excecional para os pais que tenham ficado em casa com os seus filhos pelo encerramento das escolas. O apoio destina-se a trabalhadores por conta de outrem e independentes.

O governo de António Costa criou um “mecanismo especial” que permite a pais com filhos até aos doze anos, e que tenham de ficar em casa, dois terços do seu salário, pagos em iguais partes pelo Estado e pelo entidade patronal. No caso dos trabalhadores independentes, a um terço da base de incidência contributiva do primeiro trimestre.

A entidade patronal tem de requerer o apoio à Segurança Social, através da entrega da declaração Mod. GF88-DGSS ao patrão, que deverá ser depois remetida por este para a Segurança Social, no ato do preenchimento do formulário online. Por sua vez, os trabalhadores independentes preenchem por si só a documentação.

O prazo para pedir este apoio à Segurança Social relativamente a abril era o dia 10 de maio, mas agora teve um aumento de três dias.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *