Parceiros
DistritoJustiçaSesimbraSetúbal

Suspeito usava empresa de transporte de mobiliário para furtar residências na margem sul

O Comando Territorial de Setúbal da GNR informa em comunicado que, através do Posto Territorial da Quinta do Conde, no dia 11 de julho, constituiu arguidos uma mulher e um homem de 40 e 43 anos, respetivamente, na Quinta do Conde.

No decurso de uma investigação que durou cerca de três meses, apurou-se que o suspeito, que desempenhava funções numa empresa de transporte de mobiliário, quando se deslocava às residências dos clientes, em várias localidades da margem sul do Tejo, aproveitava a distração dos proprietários para procurar e furtar bens, nomeadamente dinheiro e joias.


Foi possível apurar-se ainda que, posteriormente, os objetos eram entregues à suspeita, que transacionava os produtos furtados em lojas de compra e venda de ouro.

Na sequência da investigação foi dado cumprimento a uma busca domiciliária, culminando na apreensão do seguinte material: 23 fios; 11 pulseiras; 14 pares de brincos; 33 anéis; 26 relógios de diversos tipos e marcas; diversos pendentes.

Os suspeitos foram constituídos arguidos, e os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Setúbal.

A ação contou com o reforço do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Setúbal.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carreguem em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.