MobilidadePolíticaSesimbraTurismo

Sesimbrenses queixam-se de não poderem estacionar devido aos visitantes

Os sesimbrenses têm um grande problema, que é a falta de estacionamento. Este problema tem o seu pico máximo na vila de Sesimbra mas não só. Este é um problema geral. Se em Sesimbra, na altura do Carnaval, muitos tem de deixar o carro na serra e deixar em direção da vila a pé, na Cotovia parques inteiros são ocupados por aqueles que usam os transportes públicos para irem para Lisboa.

Os moradores pagam para estacionar, tanto em lugares abertos como em estacionamentos fechados. Os estacionamentos nas zonas com parquímetros têm vigilância, mas as multas que são passadas pelos fiscais acabam, muitas vezes, por ficarem jogadas no meio do chão. Este problema, da falta de pagamento de multas, chegou a ser levado a um cidadão perante o executivo municipal.

Os sesimbrenses pedem uma maior fiscalização e mais alternativas de estacionamento, já que as que atualmente existem ainda são muito poucas (abriu um parque perto da praia do Ouro). Os lugares reservados na rua para moradores são muitas vezes ocupados, ilegalmente, por pessoas que vão ao café ou deixar os filhos à escola. O facto de os visitantes estacionarem em zonas reservadas para moradores levanta o repúdio destes que se queixam de não serem protegidos e acabarem por serem preteridos por aqueles que só vem ao concelho aos fins-de-semana.

Muitos moradores, revoltados com esta situação, fazem queixa a GNR, mas para além da deslocação ser paga, os queixosos não vem a sua situação resolvida. O problema com o estacionamento piora nas situações de época alta, como é o caso do Carnaval ou do Verão. Quando existem eventos de grandes dimensões, como foi o caso da maratona de São Silvestre, a circulação e o estacionamento ficam congestionado, algo que dificulta tanto a vida habitual dos sesimbrenses como os que chegam para jantar e não consegue chegar a localidade.

os produtos mais desejados pelas mulheres

Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *