AgendaAtualidadeLeiriaNacionalSociedade

Santuário de Fátima acolhe peregrinação da comunidade surda

Iniciativa está agendada para os dias 12 e 13 de setembro.

publicidade

O Santuário de Fátima vai acolher nos próximos dias 12 e 13 de setembro a 6ª peregrinação da comunidade surda em Portugal.

O reitor do Santuário de Fátima, padre Carlos Cabecinhas, comunicou através de uma mensagem de vídeo a realização desta peregrinação, na qual deixou o convite a “este momento que é de encontro, de oração, de alegria e convívio”.

O programa desta peregrinação começa no sábado, dia 12 de setembro, pelas 17h30, com o acolhimento. Pelas 21h30, a Comunidade Surda participa no Rosário e Procissão das Velas, inserido no programa da Peregrinação Internacional Aniversária de setembro. Será recitado um mistério em Língua Gestual Portuguesa por um peregrino surdo.

No domingo, dia 13 de setembro, o programa tem início pelas 10h00 com uma Catequese sobre a Mensagem de Fátima. Pelas 15h00 será celebrada Missa com interpretação em Língua Gestual Portuguesa, na Basílica da Santíssima Trindade.

A primeira peregrinação da comunidade surda ocorreu em setembro de 2015 e contou com cerca de 30 pessoas surdas

Em maio de 2017, o Santuário ofereceu a interpretação em Língua Gestual Portuguesa de todas as celebrações presididas pelo Papa Francisco, prática que tem sido continuada nas peregrinações aniversárias de maio e outubro.

Esta peregrinação nacional é promovida pelo Santuário de Fátima e pelo Grupo de Intérpretes de Língua Gestual Portuguesa do Santuário.

O grupo de intérpretes de língua gestual portuguesa que colabora com o Santuário de Fátima é composto por 12 elementos que em cada domingo, interpretam a Missa das 15h00, na Basílica da Santíssima Trindade.

 

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui