Nacional

Restauração: Siza Vieira assume que “não será possível acorrer a todas as situações”

O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, admite ser "impossível compensar todos os encargos" do setor da restauração.

publicidade

O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, admite ser “impossível compensar todos os encargos” do setor da restauração. “Não conseguimos acorrer a toda a gente”, disse durante o anúncio de medidas de apoio.

No entanto, Siza Vieira revelou que as ajudas do Governo totalizam os 1.103 milhões de euros, dos quais 500 a fundo perdido, acrescentando ainda que o setor da restauração perdeu cerca de 1.869 milhões entre janeiro e setembro deste ano.

Estes valores indicam uma perda de 32% em relação ao mesmo período de 2019.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui