CrimeJustiça

PSP detém em Lisboa e em Setúbal mais de 20 elementos das claques de Benfica e Sporting por crimes violentos

Vinte e sete pessoas ligadas às claques de Benfica e Sporting foram detidas esta quarta-feira de manhã numa megaoperação da PSP através da Divisão de Investigação Criminal. Em causa estão vários episódios de violência na capital e em outras zonas da área metropolitana.

Entre os crimes estão agressões em grupo e roubos a adeptos dos próprios clubes e rivais, nas imediações dos estádios da Luz e de Alvalade. As autoridades cumpriram 29 mandados de detenção e 30 mandados de busca domiciliária, em Lisboa e Setúbal.

De um lado, os No Name Boys (Benfica), nomeadamente o subgrupo “Casuals”, que montam emboscadas a jovens adeptos do próprio clube. Perseguem as vítimas após os jogos, levam-nas à força para locais ermos e agridem-nas violentamente de forma gratuita e por motivos fúteis. Roubam-lhes os telemóveis, dinheiro e bens que transportem, como fios em ouro e prata.

Do outro lado há crimes idênticos cometidos pelos “casuals” da Juve Leo (Sporting). Perseguições a adeptos de clubes rivais e do próprio Sporting, agressões em grupo, batalhas campais combinadas com claques de outros clubes e ataques à própria Polícia.

Todos os detidos vão passar a próxima noite nos calabouços da PSP e serão esta quinta-feira presentes ao Tribunal de Instrução Criminal.

os produtos mais desejados pelas mulheres

Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *