PS alcança nova vitória no distrito de Setúbal nas eleições Legislativas

O PS repete a vitória ao nível de todo o distrito de Setúbal, registando-se a subida do BE e do PAN e a descida da CDU, do PSD e do CDS-PP.

0
124
Tempo de Leitura: 1 minuto

O Partido Socialista voltou a vencer no distrito de Setúbal, com a surpresa da descida da CDU em concelhos como Montijo, Palmela e Setúbal para o BE, e subida em Santiago do Cacém, Seixal e Sines, acima do PSD (enquanto coligação).

Nestas eleições ocorreu ainda a subida do PAN para o dobro dos votos, e a descida do CDS-PP, que há quatro anos concorreu em coligação com o PSD, mantendo-se o Bloco Esquerda com uma votação semelhante a 2015, embora subindo no Barreiro, Moita, Setúbal e Sines, ultrapassando a CDU e o PSD.

A nível nacional os últimos resultados obtidos couberam a duas freguesias de Lisboa e aos concelhos do Barreiro, Moita e Setúbal.

Em relação aos mandatos, o PS obteve 9 mandatos (7 em 2015); a CDU obteve 3 mandatos (4 em 2015); o PSD obteve 3 mandatos (5 em 2015 em coligação com o CDS-PP); o BE mantém os dois mandatos e o PAN obtém um mandato.

Em 2015 no distrito o Partido Socialista obteve um total de 34,31% (145.302 votos); o PPD/PSD.CDS-PP com a coligação Portugal à Frente obteve 22,59% (95.659 votos); a CDU – Coligação Democrática Unitária obteve 18,80% (79.606 votos) e 4 mandatos; o Bloco de Esquerda 13,05% (55.276 votos), e 2 mandatos; o PAN – Pessoas-Animais-Natureza alcançou 1,93% (8.167 votos), sem qualquer mandato.

A taxa de abstenção foi de 46% nas eleições de 2015 e em 2019 a abstenção subiu para os 46,36%.

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira o seu comentário
Nome