Opinião

Por barco, terra ou mar

Uma crónica de Pedro Dias.

- publicidade -

Com a chegada do calor existe uma baia cheia de praias na Arrábida que todos nós gostamos de frequentar.

Infelizmente não existe estacionamento nem alternativas para todos.

Desde que em 2017 quando a praia de Galapinhos se tornou a melhor praia da Europa, que vimos o nosso “lugar” na areia reservado, por pessoas que vêem conhecer a beleza imensurável. A mesma beleza que nós Setubalenses damos por garantido derivado ao facto que usufruímos todos os dias da mesma, seja a visita-las ou simplesmente a olhar pela janela. 

Mas com o passar do tempo e a chegada de turistas nacionais e internacionais, tem sido difícil a velha tradição de irmos para a praia depois do almoço. Hoje em dia quem não for ao nascer do sol muito dificilmente acha lugar no estacionamento que é pago principescamente. 

Que alternativas temos a levar o carro?

Irmos de autocarros, cheios, cujos os horários e a lotação, torna difícil que todos possam apreciar a praia. Aliás para quem tem uma família numerosa, não só se torna caro como toda a logística quase impossível.

Então eu pergunto. E que tal:

A) construir uma ciclovia com possibilidade pedonal até as praias, incentivaria o uso de um meio de transporte não poluente e incentivava ao exercício físico, de esta forma também os peões poderiam utilizar o meio para caminhadas pela estrada até ás praias ? Ótimo para fazer passeios e para quem gostaria de ir a pé sem ter que se preocupar com o perigo dos carros

B) serviço shuttle desde o estacionamento da secil dando a volta a serra. Continuamente de minubus que poderiam passar onde os carros não passam e fazendo com que todos possam apreciar TODAS as praias e não só algumas

C)a construção de um porto de atracagem de catamarans no Portinho ou na Figueirinha que permitisse as pessoas utilizarem os barcos invés dos autocarros tirando tráfego das praias 

D) estacionamento só do lado direito da faixa de rodagem com supervisão de elementos camarários e GNR para assegurar que todos cumprem a lei

Penso que possam existir mais soluções, mas acredito que com cidadania possamos todos decidir e não sofrer com a decisão de poucos todos os anos.

- publicidade -

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui