O CDS-PP Almada informou em nota de imprensa enviada ao Diário do Distrito, sobre a visita efectuada ao Centro Comunitário e Juvenil Padre Amadeu Pinto no Monte da Caparica.

«Em mais uma iniciativa do ‘Ouvir Almada’ por parte do CDS-PP, onde a finalidade é ficar a conhecer o trabalho das instituições do concelho, a concelhia de Almada reuniu e visitou esta segunda feira, o Centro Comunitário e Juvenil Padre Amadeu Pinto, situado na localidade do Monte da Caparica.

Obra missionária com um excelente trabalho efectuado pelo Padre Gonçalo junto de pessoas que mais precisam, nomeadamente jovens e crianças da zona.

O Centro tem como função disponibilizar um espaço de acolhimento e acompanhamento das crianças e jovens ao mesmo tempo que utilizam as instalações numa vertente de tempos livres e ocupacionais que vão desde o Judo à Hipoterapia, passando por diversas actividades lúdicas que o centro disponibiliza aos seus utilizadores.

“São estas instituições que muitas das vezes se substituem às entidades responsáveis” reconheceu a presidente do CDS-PP, Sara Machado Gomes.

“Estas instituições como é o caso do Centro Comunitário e Juvenil Padre Amadeu Pinto, necessitam de toda a ajuda e apoio para que os seus responsáveis possam dar continuidade a todo o trabalho meritório que tem vindo a ser feito no terreno”, acrescenta a presidente da concelhia que ficou muito satisfeita em saber que existem entidades que se dedicam a ajudar quem mais precisa com tanto afinco no Monte da Caparica.

O CDS-PP ficou ainda a saber que é intenção do responsável do centro, criar novas actividades ocupacionais aos jovens nomeadamente a criação de um espaço onde se possa trabalhar com trabalhos manuais o que enriqueceria bastante a aprendizagem e ocupação a esses jovens, alguns deles sinalizados.

Entende o CDS-PP que é preciso que o poder político fique atento a estas instituições com o objectivo de lhes prestar todas as ajudas possíveis para que as mesmas possam continuar a efectuar o brilhante trabalho que fazem na comunidade junto de quem mais precisa.»

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here