Parceiros
Sociedade

Picadas de mosquitos facilitam aparecimento da infeção bacteriana cutânea Impetigo

- publicidade -

O impetigo é uma infeção bacteriana cutânea contagiosa que afecta 140 milhões de pessoas no mundo. O clima quente e húmido, bem como picadas de insectos podem levar ao desenvolvimento da doença.

A doença afecta essencialmente crianças entre os dois e os cinco anos, mas pode também afectar adultos e “pode ser classificada como infeção primária, quando ocorre na pele intacta, ou como infeção secundária, sempre que ocorre devido a uma lesão cutânea pré-existente, como picadas de mosquitos”.

“No verão, as temperaturas são mais elevadas e o clima está mais húmido, o que favorece a propagação natural da infeção. Para além disso, a população de mosquitos cresce consideravelmente nesta altura do ano, e consequentemente, aumentam os casos de impetigo”, explica Cristina Claro, especialista em Dermatologia Pediátrica do CHLO – Hospital Egas Moniz.

“O impetigo pode ser causado por dois tipos de bactérias, Staphylococcus aureus e Streptococcus pyogenes. “Quando o indivíduo ou a criança são portadores da bactéria, o ato de coçar as lesões causadas pelas picadas de insetos conduz a feridas na pele que podem ser uma porta de entrada para a infeção”, acrescenta a profissional do Hospital Egas Moniz..

A prevenção é o melhor caminho, mas em caso de picadas ou mordeduras de mosquito deve-se evitar coçar a zona afetada para evitar a propagação da infeção.


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário