Palmela

Palmela: CGTP-IN acusa Visteon não fornecer água potável aos trabalhadores

A União dos Sindicatos de Setúbal/CGTP-IN em comunicado enviado à redação do Diário do Distrito informou que “trabalhadores da Visteon não têm acesso a água potável, à excepção da casa de banho, o que quanto a nós, é injustificável, pois existem áreas da fábrica que devem ter água disponível para todos os trabalhadores além de ser inviável o abastecimento”.

Os trabalhadores têm mesmo de trazer a “água de casa que para além de ter de enfrentar uma viagem de autocarro irá ser utilizada em locais onde as temperaturas são elevadas, também é de todo inviável”, informam em nota de imprensa. 

Assim, a União dos Sindicatos de Setúbal/CGTP-IN  “exige  que a Visteon disponibilize locais de abastecimento de água em condições e em todas as áreas para que todos tenham acesso fácil ou em caso contrário que passe a distribuir água a todos os trabalhadores, pois com os picos de calor que têm existido e com elevadas temperaturas que algumas áreas da fábrica têm é natural que o consumo de água aumente”.

As críticas sobem de tom, já que “desligar os bebedouros e não encontrar forma de os trabalhadores terem acesso à água, que é um bem fundamental à saúde e à vida é algo irracional e não nos parece ser solução para um local de trabalho onde a inovação é uma constante”, concluem. 



A Visteon foi contactada pelo Diário do Distrito para prestar declarações, mas remeteu o contacto unicamente por via email, estando a redação a aguardar o seu posicionamento.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *