Opinião

Os transportes públicos abandonaram Setúbal

Além de ser visível que o número de autocarros de transporte público em Setúbal diminui drasticamente, os horários cada vez são mais limitados e não são ajustados com a realidade das necessidades dos setubalenses e azeitonanses.

- publicidade -
Tenho acompanhado de perto os programas eleitorais dos vários candidatos por Setúbal, e são muito poucos os que falam nos transportes públicos excepto nos transportes para as praias, que todos eles abordam soluções dos mais variados tipos.
No entanto Setúbal, tendo em conta as poucas ofertas de trabalho e sendo uma cidade de trabalho precário, muitos setubalenses tem em de arranjar trabalho além fronteiras para poder trabalhar, cada vez são mais os setubalenses e azeitonenses que trabalham em Lisboa e são obrigados a levar o carro pois os horários dos transportes públicos não estão ajustados com a realidade de hoje em dia.
Então vamos ver o seguinte: se um trabalhador trabalhar no Aeroporto de Lisboa e tiver de entrar às 06h00 da manhã e viva em setúbal, como fará ? Infelizmente não consegue chegar a horas ao trabalho para além que o primeiro autocarro de Setúbal para Lisboa é às 05h45 e o primeiro comboio é às 05:48, para não falar que o comboio não pára na gare do oriente.
Ou seja, um desempregado que queira trabalhar em Lisboa já fica mais do que limitado pelos horários dos transportes públicos. Uma vez que se ouve tanto no parlamento a pedirem que os portugueses tenham de deixar de usar o carro próprio para trabalhar, às vezes até parece que andam a gozar com o povo, mas enfim, talvez se crie uma ciclovia para bicicletas e vamos todos de bicicletas trabalhar para Lisboa.
mas vamos pensar que o trabalhador entra às 7h30 ai sim consegue, mas existe outro problema! é que se ele na eventualidade tiver de fazer horas extras e tiver de sair à uma da manhã do trabalho, ou por exemplo se tiver o horário da noite que no aeroporto é normal trabalha-se por turnos, além de não ter metrô do aeroporto para a gare do oriente pois o metrô fecha à uma da manhã, também já não tem nenhum transporte público para setúbal, como é possível que não exista transportes a essa hora! inclusive o último autocarro da gare do oriente que antigamente sai a uma da manhã e ia pelo pinhal novo, por sinal cheio até essa carreira já não existe.
É surreal como é que no século 21, não exista transportes públicos a noite inteira para Lisboa, já Cascais tem comboio a noite toda para Lisboa.
Outro ponto que não entendo, é como é possível que a capital de distrito Setúbal não tenha comboios directos para Lisboa, inclusive para o aeroporto de lisboa ou até a gare do oriente.
São uma hora de viagem de Setúbal até Roma-Areeiro, eu de carro são 40 minutos, supostamente o comboio não devia ser um transporte rápido? não devia conseguir chegar a Lisboa em 15/20 minutos de comboio?
depois fico surpreso como é que nenhum candidato à câmara municipal de setúbal, aborda estes temas e todos estejam preocupados como é que os setubalenses vão a praia da figueirinha ou para tróia de barco, mas ninguém se preocupa que para ir trabalhar para lisboa se o setubalense levar o carro entre gasolina e portagens são quase 15€ por dia.
Já o último comboio da Fertagus de Lisboa é às 01 h 26 mas a última paragem é em coina, que interessa pagar 40 euros pelo passe se depois não houver horários ajustados nos transportes públicos para ir trabalhar!

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo