Sines

Ondas chegaram aos 14 metros na costa portuguesa durante a tempestade Dora

A rede de monitorização do Instituto Hidrográfico da Marinha Portuguesa registou nas suas boias a passagem da tempestade Dora.

- publicidade -

A tempestade Dora provocou ondas até aos 14 metros na costa portuguesa. “A rede de monitorização do Instituto Hidrográfico da Marinha Portuguesa registou nas suas boias a passagem da tempestade Dora, observando-se alturas e períodos altos, provenientes de Oeste/ Noroeste.

O temporal fez-se sentir com maior intensidade durante a tarde do dia 4 e a madrugada do dia 5 dezembro”, pode ler-se na nota da Marinha.

“Na boia da Nazaré Costeira verificou-se uma altura significativa de 8.9m (20h00) e uma altura máxima de 14.0m (17h00). A boia de Leixões costeira registou uma altura máxima de 13.0m às 15h20 e um valor de 7.7m de altura significativa às 16h30.

Na boia de Sines costeira observou-se uma altura significativa de 6.4m às 01h20 e uma altura máxima de 10.3m às 20h20″, explica a nota informativa.


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo