Parceiros
Palmela

Octavio Machado critica falta de apoio ao incêndio em Palmela

O presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Palmela, Octávio Machado, considerou que “o incêndio em Palmela podia ser evitado, com medidas preventivas”.

Em declarações ao CMTV, lamentou a situação “porque pensamos que só acontece aos outros, mas acontece a todos” e relembrou que “trata-se de um parque natural, com dispersão de casas e um terreno muito difícil”.


Octávio Machado deixou duras críticas pelo facto de ter sido negado o pedido do Comandante Distrital de Palmela, de mais meios aéreos para este incêndio, “porque lhe foi dito que estão noutros locais.

É um parque natural que está em perigo, e o que é lamentável é que a secretária de Estado até conhece bem a zona, e terá de responder por isto, depois de venderem um cenário de que estava tudo seguro, e depois de todos os alertas que foram dados sobre a falta de meios e de limpeza dos terrenos.”

Octávio Machado recordou que “desde 2005 o desinvestimento nos bombeiros tem sido crescente, desde que António Costa era Secretário de Estado, enchendo a boca com apoios, mas nada fazem”.

O incêndio, que começou pelas 12h00, está a ser combatido por 265 operacionais, com 61 viaturas e 2 meios aéreos.

As vias de acesso à vila de Palmela estão condicionadas, conforme o Diário do Distrito já noticiou, e há várias pessoas evacuadas.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carreguem em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.