AtualidadeCulturaDestaqueSines

Noites de fado em Sines

- publicidade -

“Maré de Fado” é organizado pela Câmara Municipal de Sines e contará com oito noites de música, com transmissão online e na rádio.

Com direção artística de Carlos Soares da Silva, a iniciativa foi criada em 2017 e tem como objetivo recuperar o legado das noites e encontros de fado, onde amadores e profissionais se juntavam pelo prazer de cantar.

Ligado ao património local, será realizado em locais como Museu de Sines, antiga Estação de Caminhos de Ferro, Igreja de Nossa Senhora das Salas e Largo Marquês de Pombal (Porto Covo).

A transmissão será a partir das 21h30, nas redes sociais de do Município de Sines (Facebook e Youtube) e nos canais dos parceiros Rádio Amália e Rádio Sines, incluindo na sua frequência FM.

Programa:

  • 12 de março – “Histórias do Mar”
    • Daniela Giblott, Joana Rita, Armando Casal e André Baptista.
  • 13 de março – “O Pescador e a Fé”
    • Ricardo Martins, Sofia Ramos, André Baptista e o projeto “Fado no Pé”.
  • 19 de março – “A Preparação para a Viagem”
    • Isabel Noronha, Eva Zambujo e Tiago Correia
  • 20 de março – “A Partida”
    • Paula Cruz, Pedro Calado, Isabel Noronha e projeto “Fado e Morna”.
  • 26 de março – “A Viagem”
    • Tânia Oleiro, Carolina Bila e José Geadas
  • 27 de março – “O Trabalho”
    • Maria da Saudade, Luís Saturnino, Tânia Oleiro e o projeto “Acordeão Fadista”.
  • 02 de abril – “A Saudade”
    • António Pinto Basto, Joana Luz e Gustavo.
  • 03 de abril – “A Chegada”
    • Nuno Amaro, Mafalda Vasques, António Pinto Basto e o projeto “Miguel & João”

Tendo em conta a situação de pandemia e o Estado de Emergência em vigor, todos os espetáculos são gravados sem público e cumprindo as normas de segurança recomendadas pelas autoridades de saúde.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui