AtualidadePolítica

Montenegro mostra-se reservado com a chegada de refugiados timorenses a Portugal

- publicidade -

O líder do PSD, mostrou esta sexta-feira, à margem da abertura oficial da 30.ª Festa da Castanha em Sernancelhe, distrito de Viseu, que está “muito preocupado” com a chegada dos “largos milhares” de emigrantes timorenses a Portugal nesta última semana.

“Vejo com muita preocupação. Temos acompanhado muito de perto essa situação que já envolve largos milhares de irmãos timorenses, é assim que os devemos tratar e impõem-se que o Governo tenha aí uma palavra e uma intervenção muito imediata”, afirmou.

No decorrer do encontro, o porta-voz do Partido Social Democrata, lembrou que o partido tem defendido a importância de uma política pró emigração. “Há muitos meses que tenho sustentado a necessidade de termos uma política integrada e um programa nacional de acolhimento e integração de imigrantes, embora este seja um caso excecional”.

O político defendeu que se houvesse uma “estrutura organizada por parte do Governo”, agora não seria necessário “dar resposta, precisamente, ao drama que se tem sentido nos últimos dias”.

A ministra adjunta dos Assuntos Parlamentares referiu que neste momento o número de emigrantes timorenses em Portugal ronda os 1300, incluindo a recém chegada de 200.

Cerca de 542 timorenses encontram-se em “alojamentos com dignidade”, ao contrário dos restantes que têm de recorrer a pousadas de juventude ou alojamentos coletivos.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *