Moita

Moita: Homem tenta matar polícia por namorar com a filha de 17 anos

publicidade

O pai revoltado pelo namoro da filha, de 17 anos, com um agente da PSP, de 29, desencadeou num golpe no pescoço da autoridade enquanto este treinava no ginásio.

O progenitor está em prisão preventiva por tentativa de homicídio pelo ataque de ocorreu a 17 de setembro, em Alhos Vedros, na Moita.

O namorado da jovem e agente da PSP estava a treinar no ginásio quando foi surpreendido à traição por um golpe no pescoço.

O homem de 45 anos fugiu imediatamente no local enquanto proferia ameaças de morte ao PSP que namorava com a filha deste há apenas algumas semanas.

O golpe pouco profundo, sem atingir órgãos vitais garantiu a sobrevivência do PSP que se deslocou por meios próprios ao Hospital do Barreiro.

O caso foi denunciado e posteriormente investigado pela PJ de Setúbal. O alegado autor do crime esteve desaparecido durante dois meses, mas foi detido e presente ao tribunal na semana passada que decretou prisão preventiva.

O agente da PSP não foi indiciado por qualquer conduta ilícita no namoro com a menor de idade, uma vez que a relação é consentida.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui