Parceiros
Destaque

Militante e dirigente do Chega “espia” Partido RIR

A estrutura base de o Partido RIR nem queria acreditar no sucedido quando descobriu que Luís Miguel Godinho, que foi candidato autárquico de uma coligação que integrava o RIR, afinal é militante e dirigente do CHEGA, partido de André Ventura.

- publicidade -

Foi com estupefação que órgãos nacionais do Partido RIR, partido do ex-candidato presidencial Vitorino Silva, descobriu que Luís Miguel Godinho, é militante número 5.595 do partido CHEGA. Em nota enviada às redações, o RIR – Reagir Incluir Reciclar, avança que denunciou esta segunda-feira aquele que deveria de ser cabeça de lista desse partido ao círculo de Beja nas próximas legislativas.

Luís Miguel Godinho foi eleito no passado fim-de-semana no Conselho Nacional do CHEGA, e foi aí que o órgão nacional do partido de Tino de Rans [como é conhecido], ficou a saber que o seu cabeça de lista pelo círculo de Beja era nada mais, nada menos que militante e dirigente daquele partido.

O RIR adianta na mesma nota que imediatamente foram retirados todos os poderes confiados ao escolhido e a situação comunicada ao partido CHEGA.

Luís Miguel Godinho tinha sido candidato à Assembleia Municipal de Estremoz nas últimas eleições autárquicas, onde integrava o seu nome na lista de coligação NEPE – Nova Esperança para Estremoz, uma coligação que juntou o RIR, o Aliança e o MPT.


SONDAGEM: Qual o seu sentido de voto nas próximas eleições legislativas a realizar no dia 30 de janeiro.
Carregue neste link para votar e partilhe
https://t.me/diariodistrito/1253

Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.