JustiçaPaís

Mais de mil feridos e dez mortos na Operação ‘Natal/Ano Novo’ da GNR

Apesar dos números, o balanço é positivo, com um decréscimo de 15 vítimas mortais face ao período homólogo de 2018.

A operação Natal/Ano Novo da GNR terminou às 24h00 deste domingo e registou um total de 3620 acidentes, dos quais resultaram 10 mortos, 60 feridos graves, e 965 ligeiros.

A operação deste ano, com o reforço de fiscalização rodoviária em todo o país, começou a 20 de dezembro, e o balanço feito pela GNR é positivo, com um decréscimo de 15 vítimas mortais, 5 feridos graves, e 270 feridos ligeiros face ao período homólogo de 2018.

Nesta operação, a GNR mobilizou diariamente cerca de 4.600 militares da Unidade Nacional de Trânsito e dos Comandos Territoriais.

Durante a operação, os militares da corporação estiveram atentos ao excesso de velocidade, manobras perigosas, ultrapassagens, mudança de direção e de cedência de passagem, uso do telemóvel durante a condução, não circulação na via mais à direita em autoestradas e itinerários principais e complementares e uso do cinto de segurança.



Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.