AtualidadeSociedade

Livros: D. Manuel I – Duas Irmãs para um Rei

- publicidade -

Lançado a 2 de junho de 2020, o livro “D. Manuel I – Duas Irmãs para um Rei” é uma fascinante história de um homem que não terá nascido para ser rei e que chegou ao trono depois de ver morrer o sobrinho e ver assassinar o irmão e o cunhado. Isabel, viúva de Afonso, filho de D. João II, foi resistindo ao casamento.

@Wook

Mas D. Manuel I era um homem determinado, desde que os seus olhares se cruzaram em Moura, que apostava que Isabel um dia seria sua esposa. Pelo seu amor faria tudo, incluindo a expulsão de hereges de Portugal, e depois os judeus. O amor falaria mais alto aos seus princípio. Mas D. Manuel I mais uma vez vê a roda da fortuna girar e a sua felicidade é curta, com a morte de Isabel a dar à luz o seu único filho.

Com esperanças, Maria, irmã de Isabel que acabara de morrer no parto, esperava um sinal de D. Manuel I, apaixonada, esperava o seu tempo que viria a chegar. Seria rainha de Portugal e mãe de dez filhos, entre eles seis varões.

D. Manuel I, filho de Alcochete, fez a sua história, construiu um império global português, numa época em que Portugal estava no auge dos Descobrimentos, e que Lisboa se enchia de espiões e especiarias vindas dos mais diversos lugares de um mundo que estava a ser descoberto aos poucos.

CARATERÍSTICAS 

Título: D. Manuel I – Duas Irmãs para um Rei

Autor: Isabel Stilwell

Editor: Planeta Editora

Lançado em: junho de 2020

Nº de Páginas: 640

Género: Romance histórico

AUTORA

Isabel Stilwell é jornalista e escritora. A sua paixão é desenvolvida por romances históricos onde se revelou em 2007, com o bestseller D. Filipa de Lencastre, a que se seguiram outros livros históricos lançados, como D. Catarina de Bragança, ambos traduzidos para inglês, e D. Amélia. Em abril de 2012 a autora publica D. Maria II, que mereceu uma edição especial destinada ao mercado brasileiro. Já em outubro de 2013 lança Ínclita Geração – Isabel de Borgonha, em 2015, é a vez de escrever soba a história da mãe do primeiro rei de Portugal, D. Teresa. Decorria o ano 2017, quando a autora volta a escrever mais um romance histórico, e conta a vida da rainha Santa Isabel de Aragão, este foi eleito o 2º melhor livro de ficção, no Prémio Livro do Ano Bertrand.

Com 21 anos, Isabel Stilwell inicia a sua carreira no Diário de Notícias, contribuindo para o essencial do jornalismo português. Fundadora da revista Pais & Filhos, onde esteve aos comandos da direção, a autora passa a ser diretora da revista Notícias Magazine onde esteve 13 anos e depois diretora do jornal Destak até ao fim de 2012. Atualmente está na revista Máxima, tendo uma das suas peças sobre adoção em Portugal, sido distinguida com o 1º Prémio de Jornalismo <<Os Direitos da Criança em Notícia>>. Continua a colaboras com a revista Pais & Filhos e com o Jornal de Negócios, quando não está a escrever, também faz um programa diário na Antena 1 com Eduardo Sá.

 

- publicidade -

 

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui