coronavírusInternacional

Jornalista chinesa foi presa por… informar sobre o surto de Covid-19

Uma jornalista chinesa foi presa por publicar informações nas redes sociais sobre a disseminação da Covid-19 em Wuhan, no início do ano.

publicidade

Uma jornalista chinesa foi presa por publicar informações nas redes sociais sobre a disseminação da Covid-19 em Wuhan, no início do ano.

Zhang Zhan tem 37 anos e está presa há seis meses por “provocar altercações e criar problemas”. A organização de defesa dos Direitos Humanos, Chinese Human Rights Defenders (CHRD), informou que a jornalista vai ser julgada num tribunal da cidade de Xangai sobre as informações que publicou.

Pode ser condenada a uma pena de quatro a cinco anos de prisão, mas este não é um caso único: outros cidadãos que também publicaram imagens e narraram o que se passava em Wuhan também acabaram por ser presos.

Recorde-se que foi na cidade de Wuhan, na China, onde foram detetados os primeiros casos de Covid-19.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui