AlmadaDestaqueDistritoDistrito SetúbalPolítica

Jantar do CHEGA em Almada gera polémica nas redes sociais

André Ventura, presidente do Partido CHEGA, reuniu vários militantes, simpatizantes e apoiantes, este fim-de-semana em Almada para um jantar comício. O evento está a gerar indignação nas redes sociais.

publicidade

Os comentários são muitos, mas não são de apoio, são de “censura” ao que o CHEGA está a fazer um pouco por todo o País com a promoção de jantares comícios que tem reunido várias dezenas de militantes, simpatizantes e apoiantes daquele partido.

Foi este sábado que o CHEGA de André Ventura reuniu num jantar comício, no Pragal, em Almada, várias dezenas de pessoas que estiveram na iniciativa para apoiar o agora deputado do CHEGA e candidato às Presidenciais já no próximo ano.

Nas imagens, é visível conseguir-se ver que a Quinta do Joinal esteve repleta de pessoas. Segundo fonte do CHEGA, adiantou ao Diário do Distrito que todas as normas de higiene e segurança indicadas pela Direção-Geral da Saúde foram cumpridas.

Mas não é a opinião de alguns cibernautas que acusam André Ventura de demagogia e populismo quando o mesmo se referiu à Festa do Avante que se vai realizar entre os dias 4 e 6 de setembro, na Quinta da Atalaia, na Amora, Seixal.

Os comentários são variados como “Aqui não há Covid-19, só na Festa do Avante, pois claro”, ou “Tenha vergonha doutor André Ventura, pense antes de censurar a Festa do Avante”.

O Diário do Distrito sabe que o Partido CHEGA tem sido várias vezes alvo de comentários menos bons, como o caso do jantar-comício realizado em Leiria, onde nos chegou a informação que estiveram cerca de 300 pessoas no evento e que também ele foi bastante criticado.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui