Atualidade

‘Humilhação total’ é como a AOFA classifica assinatura de Directiva às FA

publicidade

A Associação de Oficiais das Forças Armadas classifica como ‘humilhação total’ e ‘achincalhamento’ o facto de a Directiva dirigida aos quatro militares do CEMGFA, CEMA, CEME, e CEMFA não ser assinada pelo Ministro da Defesa, mas pelo Secretário-Geral.

Em causa está a medida que o Ministério pretende vai implementar de «Desenvolvimento e Implementação de uma estratégia de comunicação no MDN que promova a não discriminação».

Para a AOFA «esta é a desorientação no Ministério da Defesa, de tal ordem que a Diretiva é dirigida aos 4 Chefes Militares não pelo Ministro (falta de coragem para o fazer????) mas, pasme-se, pelo Secretário-Geral».

O ‘recado’ foi deixado na página do Facebook da Associação, onde criticam ainda que «será que agora até o Secretário-Geral dá ordens às Chefias Militares? De forma bem direta e explícita? É que, repare-se também, tudo isto é propositado dado que o Secretário-Geral dá ordens aos Militares, com conhecimento ao Ministro e aos Secretários de Estado!

Será que ainda vamos um dia destes assistir a uma ordem dada diretamente aos Chefes Militares por parte de algum condutor/a, barista ou quiça cozinheiro/a?».

Para a AOFA «isto configura a Humilhação total. O Achincalhamento máximo (inultrapassável???) das Forças Armadas Portuguesas e exige posições firmes, explícitas e públicas de “quem de direito”, incluindo naturalmente o Comandante Supremo das Forças Armadas que, para quem ainda não o saiba, ocupa a posição de Presidente da República».

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui