Parceiros
Cantinho da BicharadaMundo

Gato queimado na guerra da Ucrânia encontra novo tutor

- publicidade -

Ficou conhecido como ‘Fénix’ e a sua fotografia correu mundo, mas ao contrário de centenas ou milhares de outros, a sua história teve um final feliz.

Fez-se conhecer aos jornalistas, nas ruas de Andriivka, mas acabou por não ser resgatado, isso apenas aconteceria dias depois quando voluntários das equipas de socorro o encontraram e transportaram a uma clínica veterinária.

Ao contrário do que se pensou na altura, o animal não ficou cego nem é surdo, já teve alta médica, e encontrou uma nova família na companhia do socorrista Vladimir.

A guerra deixou-lhe cicatrizes, tal como em toda a população ucraniana, mas a sua alma de gato manteve-se ilesa, brincalhona e ronronante.

O seu novo tutor afirmou que Fénix é como uma arma biológica ucraniana: «não arde quando atingido pelo fogo, pula acima de vinte metros e num comprimento de 50 metros, e pode rebitar qualquer tipo de ferro, até armaduras dos inimigos. Agora ficou claro porque é que os invasores deixaram a região de Kiev em pânico!»

Fénix com Vladimir


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário