Insólito

Gato encontrado dentro de uma mala de um passageiro num aeroporto

Um gato foi encontrado numa mala de um passageiro no aeroporto John F. Kennedy em Nova Iorque, nos Estados Unidos.

O animal foi detectado quando a mala estava a ser monitorizada através da máquina de raio- X, minutos antes de o homem entrar no avião.

O caso foi tornado público pelo organismo norte-americano responsável pela segurança aeroportuária – a TSA, Transportation Security Administration (Administração para a Segurança dos Transportes).

Numa fotografia partilhada pela TSA no Twitter é possível ver o pelo do animal a sair pelo fecho da mala. O gato estava vivo e, apesar de se encontrar há várias horas fechado, não apresentava quaisquer ferimentos.

O dono da mala, um homem de 37 anos residente em Brooklyn, viajava pela Delta Air Lines e acabou por perder o voo, mas afirmou que o gato não era seu, mas sim de outra pessoa que vivia com ele e que o animal teria entrado na mala às escondidas. As autoridades iam a apresentar uma queixa contra o indivíduo, mas as explicações da dona terão sido suficientes para tal não ter acontecido.

Segundo o New York Post, o gato chama-se Smells e a dona diz que o animal gosta de se esconder em malas e caixas.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *