AtualidadeCrime

Detido pela PJ por violar e esfaquear agente imobiliária em casa vazia

- publicidade -

A Polícia Judiciária, através da Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo, deteve um homem de 25 anos, fora flagrante delito, por existirem fortes indícios da prática de um crime de violação, de um crime de homicídio, na forma tentada, e de um crime de detenção de arma proibida.

«Os crimes graves, geradores de enorme alarme social vitimaram uma mulher, com 33 anos de idade, e tiveram lugar no dia 13 de setembro, ao início da noite, em Sobral de Monte Agraço, Torres Vedras», refere o comunicado.

O homem visitava um imóvel com a vítima, agente imobiliária, onde já tinha estado em duas outras ocasiões.

Durante a visita o abusador sexual atacou a vítima aproveitou-se da circunstância de estar sozinho com ela, usando de extrema violência física e produzindo-lhe múltiplas e graves lesões, através do uso de uma navalha.

As diligências policiais que, pela sua natureza urgente, desde logo foram realizadas pela Polícia Judiciária, permitiram a recolha de consistentes elementos probatórios, através dos quais se logrou a forte indiciação do suspeito e sua sequente detenção fora de flagrante delito, para além da apreensão da arma branca utilizada na prática dos ilícitos descritos.

A investigação desenvolvida contou ainda com a colaboração da GNR de Torres Vedras.

O detido será, hoje, presente a primeiro interrogatório judicial, visando a aplicação de medidas de coação julgadas adequadas.


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo