AtualidadecoronavírusDestaqueDistritoDistrito Setúbal

Dados da Covid-19 volta a subir no distrito de Setúbal

- publicidade -

Já são conhecidos os dados do boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS) referentes ao Covid-19, e nas últimas 24 horas o distrito de Setúbal teve um aumento de 338 novos casos, desde que o relatório deixou de apresentar os dados por concelho, a 5 de Julho.

A liderar a tabela está o concelho do Seixal, no último relatório antes da interrupção de dados, apresentava 643 novos casos e hoje apresenta-se com 743 (mais 100), a seguir está Almada, que apresentava 624 novos casos e esta terça-feira apresenta-se com 714 (mais 90).

Barreiro é o terceiro concelho do distrito de Setúbal com mais casos, que registava 345 novos casos, hoje está com 385 (mais 40); a Moita encontrava-se nos 318 e hoje aumentou mais 47 novos casos, passando para 365.

Já mais a sul da Península está Setúbal que apresentava 204 novos casos, hoje apresenta 229 (mais 25); a seguir e na tabela está o concelho do Montijo que tinha 171 casos e hoje está com 183 (mais 12).

Palmela continua a crescer na tabela e apresentava-se com 69 novos casos, esta terça-feira aumento mais 10 e está com 79 novos casos.

Sesimbra também tem sido um dos concelhos que tem aumentado, apresentava 65 novos casos e hoje está nos 81 (mais 16).

O concelho de Alcochete é um dos concelhos da Península de Setúbal com pouca alteração, mesmo assim, o concelho  tinha 28 casos e hoje já está com 32 (mais 4).

No Litoral Alentejano, os quatro concelhos alentejanos, todos eles apresentam casos de Covid-19, Alcácer conta com 13 novos casos (mais 2); Grândola com 24 novos casos (mais 3); Santiago do Cacém com 25 casos (mantém) e por fim Sines que também mantém os mesmos casos, 8.

Ontem o distrito de Setúbal apresentava um total de 2.532 novos casos, nas últimas 24 horas aumento para mais 338 novos casos, ficando nos 2.870 novos casos de Covid-19.

[themoneytizer id=”61056-1″]

 

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui