AlmadaAtualidade

Campo de Golfe da Marinha na Base Naval do Alfeite gera polémica

- publicidade -

As redes sociais divulgaram e é nas redes sociais que as críticas têm também surgido, relativamente à construção de um campo de golfe na Base Naval do Alfeite, pela Marinha Portuguesa.

No entanto, esta decisão não colhe consenso entre os meios militares, numa altura que este ramo das Forças Armadas está a atravessar dificuldades orçamentais, com embarcações inoperacionais por falta de manutenção.

Por outro lado, é conhecido o percurso como jogador de golfe do atual comandante naval, vice-almirante Silvestre Correia, que já participou em campeonatos nacionais das Forças Armadas.

O Gabinete do Chefe de Estado-Maior da Armada (CEMA) justificou ao DN a medida como uma forma de aproveitar um terreno que servia para despejar detritos e uma resposta «à necessidade de edificar uma capacidade de treino» nesta modalidade, à semelhança dos projetos já concretizados pelas Academias da Força Aérea e do Exército».

A Marinha garante ainda contar com «apoio financeiro de entidades particulares com as quais tem protocolos de cooperação» e que o espaço não será um campo de golfe, mas apenas «uma área para dar formação aos militares neste desporto», que estará disponível para «oficiais, cadetes, sargentos e praças, e respetivas famílias, exatamente à semelhança daquilo que já acontece com a prática de outros desportos nas instalações da Base Naval de Lisboa e do Centro de Educação Física da Armada».

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui