AtualidadeCoimbracoronavírusDestaque

Câmara de Condeixa distribui cabazes alimentares a 365 alunos

- publicidade -

A Câmara Municipal de Condeixa anunciou hoje que até à próxima terça-feira vai distribuir cabazes com bens alimentares a 365 alunos, do pré-escolar ao 12.º ano, beneficiários da ação social escolar, em consequência do encerramento das escolas.

“Mantivemos a opção pela composição de um cabaz com bens alimentares em quantidade suficiente para duas semanas porque, para diminui as interações sociais que uma entrega diária implicaria”, justifica o presidente da Câmara Municipal de Condeixa num comunicado.

Nuno Moita defende que, desta forma, também “permite assegurar alimentos para outras refeições, nomeadamente o pequeno-almoço e os lanches e até para o agregado familiar dos 365 alunos” abrangidos.

Assim, entre hoje e a próxima terça-feira, serão entregues “365 cabazes com bens alimentares a “todos os alunos beneficiários da ação social escolar, dos escalões A e B, do pré-escolar ao 12.º ano, na sequência do encerramento das escolas e respetivos refeitórios” devido à pandemia da covid-19, num “investimento de 8.500 euros”.

“Neste número encontram-se ainda 12 agregados familiares que, não sendo beneficiários de ação social escolar, foram sinalizados pela direção do agrupamento de escolas e pelas técnicas de serviço social para a necessidade de um apoio alimentar, atendendo ao contexto económico familiar do aluno”, explica.

Segundo a nota de imprensa, os cabazes integram arroz, massa, legumes, fruta, ovos, enlatados, cereais, iogurtes, leite, gelatina, carne e peixe e a sua distribuição será realizada na Escola Básica de Condeixa n.º 3 até ao dia 02 de fevereiro.

No sentido de evitar ajuntamentos, refere o comunicado, “as famílias serão avisadas previamente, por mensagem, do dia e hora da respetiva entrega” e, “excecionalmente, serão efetuados circuitos de distribuição para os casos de famílias em isolamento profilático ou sem transporte próprio”.

O documento da autarquia adianta que esta medida “tem ainda um impacto na atividade económica do município, nomeadamente nos supermercados, uma vez que os cabazes de bens alimentares foram adquiridos junto de diferentes estabelecimentos comerciais locais”.

“Os cabazes integram ainda um folheto que contém informação sobre alimentação, dicas e receitas, elaborado no âmbito do programa desenvolvido pela nutricionista estagiária ao serviço do Município de Condeixa, que pretende contribuir para a melhoria dos hábitos alimentares”, refere a nota.

O documento lembra que esta medida já tinha sido tomada no ano passado, aquando do primeiro confinamento, “assegurando, deste modo, o apoio alimentar a todos os alunos que ficaram sem os serviços dos refeitórios” escolares

​​​​​​​O município refere que a Escola Secundária Fernando Namora continua aberta para receção e acompanhamento dos filhos ou outros dependentes a cargo de trabalhadores de serviços essenciais, cerca de 15, e essas refeições são disponibilizadas em parceira com a Santa Casa da Misericórdia.​​​​​​​

- publicidade -

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui