Atualidade

Almada regista maior aumento de casos de covid19 e Seixal lidera lista no distrito

- publicidade -

A Direção Geral de Saúde (DGS) já emitiu o boletim de hoje com o número de pessoas infetadas desde o início da pandemia, com o registo de 50.299 (+135) casos de infeção confirmados e 1.719 (+2) mortes, ambas na região de Lisboa e Vale do Tejo.

Há agora 35.378 pessoas recuperadas, mais 158 pessoas que ontem, 414 pessoas internadas (+11) e destas 45 em cuidados intensivos (-2) que ontem.

Lisboa e Vale do Tejo soma agora 25.549 casos, mais 101 infetados do que o dia de ontem e 588 (+2) mortos.

A seguir a Lisboa e Vale do Tejo, a zona Norte é a que mais casos apresenta, com 18.525 infetados e mantém 828 mortos e o centro do País apresenta-se hoje com 4.411 infetados e 252 mortes.

O Alentejo tem 691 casos e 21 óbitos e o Algarve mantém os 853 infetados e 15 óbitos.

As regiões autónomas dos Açores têm agora 165 casos e 15 mortes e a Madeira conta com os mesmos 105 infetados e sem mortes.

Sendo segunda-feira, a DGS revela os dados por concelho, e no distrito de Setúbal registam-se agora 3.271 casos confirmados de covid-19.

O Seixal regista agora 835 casos (+38), Almada regista 819 (+45), Barreiro 434 (+11), Moita 431 (+25), Setúbal 258 (+16), Montijo 197 (+4), Sesimbra 91 (+4), Palmela 85 (+2), Alcochete 34 (+ 1).

No Litoral Alentejano, os quatro concelhos alentejanos, todos eles apresentam casos de Covid-19, com Alcácer do Sal mantém 13, Grândola 24 (+1), Santiago do Cacém 35 (+1) e Sines 15 (+3).

Relembramos que a DGS não partilha as informações sobre os recuperados e os óbitos por concelho.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui