Vítimas de homicída na Amora vão a enterrar no sábado

Os corpos de Helena Cabrita e de Lara vão para a igreja de Nosso Senhor do Bomfim, nos Foros de Amora, às 9h00 da manhã de sábado e serão enterrados no cemitério da Amora no mesmo dia.

0
1847
DR - Global Imagens / DN

Os corpos de Helena Cabrita e da pequena Lara serão liberados do Instituto de Medicina Legal para as cerimónias fúnebres este sábado, dia 9 de fevereiro, e chegarão à igreja de Nosso Senhor do Bonfim, nos Foros de Amora, às 9h00 da manhã, seguindo depois para enterro no cemitério da Amora no mesmo dia.

No entanto o último desejo de Helena Cabrita não será cumprido porque o Ministério Público não autoriza a cremação do corpo da avó de Lara, que foi esfaqueada até à morte na passada segunda-feira pelo ex-genro, Pedro Henriques.

A decisão foi conhecida na passada quinta-feira através de uma notificação do Tribunal do Seixal, e esta sexta-feira, a família dirigiu-se novamente a este tribunal para tentar alterar esta decisão mas o Ministério Público parece estar irredutível, o que implica que o corpo seja enterrado.

Em causa está a possível destruição de eventuais provas, porque sendo um caso de morte violenta, terá sempre de ser admitida a possibilidade de o corpo ainda ter de ser usado em futuras diligências de investigação, o que não seria possível com a cremação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira o seu comentário
Nome