Quantcast Choice. Consent Manager Tag v2.0 (for TCF 2.0)
AtualidadePorto

Vigília no Porto em apoio aos empresários da restauração

- publicidade -

Um grupo de empresários da restauração no Porto iniciaram esta noite, defronte da Câmara Municipal do Porto, na Avenida dos Aliados, uma vigília por tempo indeterminado até o Governo discutir os apoios ao setor.

Quatro dias depois de um grupo de empresários iniciar uma greve da fome diante do Parlamento, em Lisboa, «um movimento espontâneo de empresários fez nascer uma vigília por tempo indeterminado, até que o Governo olhe para o setor», explicou Branca Pereira à Lusa, do Movimento das Mulheres pela Restauração

O “acampamento” ficará junto ao monumento a Almeida Garret, em cujos degraus foram colocadas dezenas de lamparinas acesas: «significam um grito de alerta, significa que queremos uma luz para este momento que estamos a viver, pois são milhares as mulheres que vivem da restauração e que muitas delas já perderam o emprego e outras vão perdê-lo».

No local vão estar seis empresários em permanência, durante 24 horas, após o que serão revezados dia e noite «e o tempo que for necessário».

No dia 14 deste mês, o ministro da Economia disse que o apoio excecional aos restaurantes dos concelhos abrangidos pelo estado de emergência para os compensar pela receita perdida nestes dois fins de semana acenderá a 25 milhões de euros e será pago em dezembro.

No entanto, apenas os empresários com contabilidade organizada vão poder concorrer aos apoios, além de que estes vão incidir sobre os lucros dos fins-de-semana de Março, altura em que muitos dos restaurantes se encontravam encerrados devido ao confinamento.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui