AtualidadeDesportoDestaque

Vandalizado estabelecimento do 4.º árbitro da final da Taça da Liga

- publicidade -

O talho de Manuel Mota, localizado em Vila Verde, foi vandalizado durante a madrugada.

A informação é dada pelo Conselho de Arbitragem, em comunicado, que repudia tal situação e garante que “os árbitros não se deixam intimidar por atos que não têm lugar no desporto como o entendemos”.

Manuel Mota foi o 4º árbitro da final da Taça da Liga, realizada ontem, que terminou com a vitória do Sporting frente ao Sporting de Braga, onde Carlos Carvalhal e Rúben Amorim foram expulsos à passagem do minuto 32.

Comunicado do Conselho de Arbitragem

O Conselho de Arbitragem teve conhecimento este domingo que o estabelecimento comercial do árbitro Manuel Mota foi vandalizado durante a madrugada.

O CA condena de forma veemente este acontecimento e acredita que as autoridades policiais, que já foram informadas do sucedido, serão capazes de identificar os autores de mais este ato cobarde.

Este tipo de ações deve merecer o firme repúdio de todos os clubes e agentes desportivos, algo que, espera o Conselho de Arbitragem, não deixará de acontecer.

Manuel Mota está nomeado para um encontro das competições profissionais e terá todo o apoio do Conselho de Arbitragem no exercício da sua atividade.

O Conselho de Arbitragem reafirma que os árbitros não se deixam intimidar por atos que não têm lugar no desporto como o entendemos.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui