coronavírus

“Vacina? Provavelmente só no próximo ano”

"É muito difícil prever, mas provavelmente só teremos a vacina no início do próximo ano, na melhor das hipóteses", diz o Centro Europeu para Prevenção e Controlo das Doenças.

- publicidade -

“É muito difícil prever, mas provavelmente só teremos a vacina no início do próximo ano, na melhor das hipóteses e assumindo que os ensaios clínicos têm resultados positivos em termos de eficácia e de segurança”, disse à Lusa o chefe-adjunto do programa de doenças do Centro Europeu para Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC), Piotr Kramarz.

Recorde-se que a União Europeia já reservou 300 milhões de vacinas à farmacêutica AstraZeneca, sendo que 6,9 milhões destas vão ser transportadas para Portugal.

No entanto, estão ainda a decorrer negociações com outros fabricantes de vacinas, como a Sanofi-GSK , a Johnson & Johnson, e a CureVac.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui