Parceiros
Mundo

Ucrânia | Zelensky partilha vídeo após ataque à maternidade em Mariupol

- publicidade -

Uma maternidade localizada na cidade portuária de Mariupol, na zona sul da Ucrânia, foi completamente destruída na sequência de bombardeamentos russos sobre a região, avançou a Câmara Municipal de Mariupol.

«As forças de ocupação russas lançaram várias bombas sobre a maternidade. A destruição é colossal» referiu o edil, sobre um ataque do qual resultaram pelo menos 17 feridos.

As imagens da destruição e da retirada de morto e feridos têm sido amplamente partilhadas nas redes sociais, até pelo presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, que explicou existirem «pessoas e crianças debaixo dos escombros», naquilo que classificou como «uma atrocidade cometida por Moscovo».

«Quanto tempo mais o mundo será cúmplice ignorando este terror? Fechem o espaço aéreo já”, escreveu ainda Zelensky no Twitter, a acompanhar o vídeo que mostra o grau de destruição da maternidade.

«Párem as mortes!! Vocês têm o poder mas parecem ter perdido a Humanidade», escreve ainda o presidente ucraniano.

As autoridades locais disseram que estão ainda a tentar determinar quantas pessoas tinham sido mortas ou feridas neste ataque».

A população de Mariupol tem sido das mais massacradas, porque apesar dos acordos da Rússia para a abertura de corredores humanitários, os veículos que transportam refugiados têm sido alvo de atiradores, ou são impedidos de sair da área.

Quem quer manter-se na cidade, enfrenta a falta de água, electricidade e alimentos.

De acordo com a Cruz Vermelha, a situação na cidade é «verdadeiramente apocalíptica» e segundo o vice-presidente da Câmara de Mariupol, cerca de 1.200 pessoas já terão morrido na sequência dos ataques de Moscovo sobre a cidade.


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário