Parceiros
Mundo

Twitter apaga publicações da Embaixada Russa sobre ataque à maternidade em Mariupol

- publicidade -

O Twiiter apagou uma postagem da Embaixada Russa na Inglaterra, que afirmava serem falsas as notícias e fotos divulgadas após o ataque a uma maternidade em Mariupol, na Ucrânia.

O tweet da Embaixada afirmava que a maternidade estava desactivada há muito tempo, e que era utilizada para treino das «forças militares e radicais, nomeadamente, o neo-Nazi Batalhaão Azov».

Noutra publicação, a Embaixada Russa apresentava fotos de uma jovem ferida, como sendo uma conhecida bloguer de beleza, Marianha Podgurskaya, que teria posado para as fotos falsas como se estivesse ferida e grávida.

Fotos que, segundo a Embaixada, foram captadas pela «famosa propagandista Evgeniy Maloletka, em vez das equipas de resgate ou testemunhas, como seria de esperar».

As respostas dos internautas não se fizeram esperar, acusando a Rússia de invadir um país livre, mas também com muitas mensagens de apoio à invasão russa.

Após várias denúncias, o Twitter retirou as publicações, no entanto, os responsáveis da Embaixada não desistiram e colocaram outro tweet no qual voltam a fazer a mesma afirmação.


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário