AlmadaAtualidade

Trabalhadores do município de Almada em greve e concentração na sexta-feira

- publicidade -

Trabalhadores da Câmara Municipal de Almada, SMAS, Wemob/Ecalma e Juntas de Freguesia vão cumprir esta sexta-feira uma greve de 24 horas para contestar a situação laboral na autarquia, e está marcada uma concentração na Praça da Portela, no Laranjeiro, com deslocação para o chalé, Cova da Piedade, pelas 10h00.

A informação é da União dos Sindicatos de Setúbal/CGTP-IN, num comunicado enviado ao Diário do Distrito, no qual indica que «em causa estão a imposição de escalas a alguns trabalhadores, a repressão existente, a falta de proposta para o pagamento do subsídio de penosidade e insalubridade, a retirada de capacidade de resposta nos serviços ocupacionais, a retirada da creche, entre outras matérias».

A União de Sindicatos acusa ainda «o facto de a Câmara Municipal de Almada, por via do seu executivo, não darem resposta aos problemas dos trabalhadores, não quererem sequer dialogar com a sua comissão sindical».

A Câmara Municipal de Almada remeteu uma resposta para mais tarde, após contacto da Lusa.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui