Atualidade

Trabalhadores da Refrige “Coca-Cola” em greve às horas extra

- publicidade -

Os colaboradores da Refrige “Coca-Cola” estão em greve ao trabalho extraordinário desde o dia 13 de julho e exigem negociações com a empresa por aumentos salariais. De acordo com a União dos Sindicatos de Setúbal, a empresa “pretende aplicar aumento de salários para dois anos, sendo que em 2020 pretendia aplicar aumento de 0,5% e para o próximo ano 1%, valores que não são admissíveis na discussão”.

Os trabalhadores acreditam que a Refrige tem condições para fazer melhores aumentos, até porque a fábrica esteve sempre operacional mesmo durante o estado de emergência e de confinamento.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui