Parceiros
Economia

TAP despede 206 trabalhadores que estiveram em ‘lay-off’ até esta semana

As cartas de despedimento já foram entregues às 206 pessoas que até este sábado estavam abrangidas pelo regime de ‘lay-off’. 

“Esta decisão decorre da necessidade de serem perspetivadas medidas unilaterais de cessação da relação laboral, nos termos do Plano de Reestruturação da Empresa, face ao excesso de postos de trabalho que ainda perdura, que pressupõem a observância de um prazo de dilação de 30 dias”, cita a carta envida e que o CM reporta.


Os colaboradores despedidos estão “desobrigados da prestação de serviço, sem perda de retribuição, assim se garantindo uma disponibilidade total para acompanhar o processo. Não obstante, deverá manter-se contactável, pelo que, caso altere a sua residência ou os seus contactos, deverá informar a Empresa através do Portal do Colaborador”. 

Deixando ainda claro que “está aberta a possibilidade de aceitação da proposta de cessação por acordo ou, se aplicável, a possibilidade de candidatura à PGA, em condições equivalentes às anteriormente apresentadas.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.