Crime

Suspeito de abuso sexual a 2 meninas no Seixal ficou com apresentações periódicas e proibição de contactos

- publicidade -

Um homem foi detido, acusado de nove crimes de abuso sexual de crianças, cometidos contra duas menores de 11 de idade, entre março e novembro de 2020.

Na sequência de detenção, o Ministério Público do Seixal apresentou o suspeito a primeiro interrogatório judicial, indiciado de ter praticado atos sexuais de relevo com as duas menores.

Os factos ocorreram na residência do arguido, onde as crianças se deslocavam por serem familiares de um outro residente.

Em consonância com o promovido pelo Ministério Público, o juiz de Instrução aplicou ao arguido as medidas de coação de proibição de contactos com as menores e suas mães, proibição de se aproximar da residência e da escola das menores, proibição de residir e frequentar a residência onde ocorreram os factos e de obrigação de apresentação periódica.

A investigação prossegue sob a direção do Ministério Público do Seixal, do DIAP da Comarca de Lisboa, com a coadjuvação da Polícia Judiciária.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui