Setúbal

SOS Sado em protesto hoje contra dragagens

publicidade

Às 15h30 está previsto o início do protesto contra as dragagens no rio Sado, promovido peloo movimento cívico SOS Sado, com início no Cais dos Pescadores e término junto à sede da Administração do Porto de Setúbal.

Segundo a SOS Sado, em Outubro a Administração do Porto de Setúbal recomeçará a destruição do Rio Sado.

«As dragagens planeadas avançarão – 6,5 milhões de metros cúbicos, quase 20 anos de dragagens de manutenção arrancados ao rio em duas fases de menos de seis meses cada – partindo e escavando o leito do rio, rasgando, arrancando e sugando o sustento de toda a vida marinha, libertando toxinas perigosas para a saúde humana, condenando a comunidade pescadora de Setúbal a mais privações, destruindo património cultural incalculável submerso há séculos.

Uma coligação de movimentos populares, associações ambientalistas, cidadãs e cidadãos continua empenhada na luta contra este crime ambiental, social, cultural e económico até que o mesmo seja travado. Pela força dos tribunais, das ruas, das políticas. Ainda não é tarde demais, e Setembro será o campo da batalha final.

Sabemos, no entanto, que precisamos de todas e todos nesta luta.

Que só a força dos números pode ajudar a que o nosso grito de revolta seja ouvido nos gabinetes onde estas negociatas se decidem.

Que só uma união de cidadãs e cidadãos, de todos os caminhos da vida, irredutíveis na defesa do bem-estar da sua geração e dos seus filhos e netos conseguirá travar com as mãos o avançar das máquinas e da ganância.»

Ler mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui