Setúbal

Setúbal | PS: “é possível baixar o IMI sem pôr em causa o equilíbrio financeiro da autarquia”

- publicidade -

O Partido Socialista de Setúbal afirmou, numa conferência de imprensa realizada esta sexta-feira, que é possível reduzir o valor do IMI de 0,40% para 0,37% e continuar com o pacote de medidas de apoio de emergência sem colocar em causa o equilíbrio do orçamento da Câmara Municipal de Setúbal.

Como justificação o PS, pela voz do vereador Joel Marques, menciona que o estacionamento tarifado pode amparar o valor monetário da redução do IMI, pois “a receita do parqueamento tarifado, antes da concessão, já chegava aos 800 mil euros”, valor que com o aumento da tarifa e dos espaço de atuação dos parquímetros poderá ser “facilmente ultrapassado”.

Fernando José, vereador e deputado da Assembleia da Republica, acrescenta que a gestão da CDU está em “fim de ciclo, completamente desnorteada e desgastada, não tendo capacidade para gerir o Orçamento Municipal”. O autarca acusa ainda o executivo CDU de aplicar “austeridade” e de “não executar as escolhas certas” para ajudar os munícipes de Setúbal.

A CDU, em conjunto com o PSD, mencionam que “não é possível realizar o pacote de apoios de emergência” em conjunto com esta descida do IMI, chegando a referir que o Partido Socialista está apenas a realizar “campanha política”.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *