Setúbal

Setúbal | Executivo CDU dá as primeiras luzes sobre o orçamento municipal 2023

André Martins, presidente da Câmara Municipal de Setúbal, fez conhecer na assembleia municipal, realizada a 30 de setembro às 19h00 na autarquia sadina, quais foram as áreas identificadas, em primeira análise, que precisam de apoio no novo orçamento municipal de 2023.

“Temos de ter em conta que a escalada inflacionista a que assistimos – nos preços da energia e de todas as matérias-primas, na contratação de serviços e das obras – também se reflete em toda a atividade da câmara municipal”, disse André Martins enquanto se preparava para anunciar quais são, aos olhos do executivo CDU, as áreas que estão fragilizados perante a crise.

Nestas estão a área da infância, pequenas e médias empresas, jovens em idade escolar e instituições de solidariedade. Aos que, o autarca, diz ser preciso criar medidas para apoiar a atividade da pesca, apoio à educação relativamente aos professores, uma menor penalização empresarial e medidas que evitem a desvalorização dos salários e pensões.

Para encontrar as melhores soluções para combater este período de inflação o executivo CDU pretende realizar uma reunião com todos os partidos, que têm assento na assembleia municipal, de modo a poderem “dar o contributo na tomada de medidas para minimizar o efeito da crise” no concelho de Setúbal.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *