Setúbal

Setúbal | Ativista Sultana Khaya foi recebida na autarquia sadina

- publicidade -

A ativista Sultana Khaya, que luta contra a “opressão e violência” impostas no Saara Ocidental pelos militares ocupantes de Marrocos, foi recebida esta quinta-feira na Câmara Municipal de Setúbal pela vice-presidente, Carla Guerreiro.

Sultana veio para Portugal no âmbito do Movimento Democrático das Mulheres por ocasião do 11º Congresso, que se irá realizar dia 29 de outubro. Nesta passagem pelo nosso país a ativista foi recebida em Setúbal, onde contou os constantes abusos exercícios por parte dos militares de Marrocos, em especial contra as mulheres.

“Durante um ano e sete meses, eu e a minha família, incluindo a minha mãe, outras mulheres e também crianças, estivemos presos na nossa casa onde só entravam as forças marroquinas. Sofremos uma violência extrema. Entravam a qualquer hora, encapuzados, cometiam abusos sexuais, agrediam-nos física e psicologicamente. Todos os dias, havia ataques. Todos os dias, têm uma história para contar”, explicou Sultana.

“Há princípios fundamentais dos quais nunca podemos abdicar e um deles é a autodeterminação dos povos. A causa que a Sultana Khaya representa é mais do que justa. Por isso, o município de Setúbal não podia deixar de a receber, divulgar o que se está a passar e solidarizar-se com o país”, disse Carla Guerreiro, na esperança de que esta visita se traduza “num apoio efetivo ao Saara Ocidental, com resultados no âmbito da diplomacia”.

Sultana Khaya foi acompanhada, nesta visita, pela membro do secretariado do Movimento Democrático das Mulheres, Regina Marques. 


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *