Seixal

Seixal | Autarquia quer Central de Produção de Hidrogénio Verde no concelho

O executivo da Câmara Municipal do Seixal aprovou a suspensão parcial da 1.ª revisão do Plano Diretor Municipal do Seixal, esta sexta-feira, em reunião pública extraordinária.

Com esta suspensão, a autarquia pretende viabilizar a formalização de uma candidatura para a construção de uma Central de Produção de Hidrogénio Verde, a partir de fontes de energia 100% renováveis.

Esta Central aposta nas três tecnologias principais de utilização desta fonte de energia, nomeadamente: tecnologia gas-to-gas; setor da mobilidade e tecnologia gas-to-power.

O concelho do Seixal recebe, desde o ano passado, o Green Pipeline Project (projeto pioneiro a nível nacional) ano passado, que tem como principal objetivo levar a energia natural do hidrogénio a um conjunto de utentes, através da injeção de hidrogénio verde na rede de gás natural.

A Câmara Municipal do Seixal é um dos principais parceiros deste projeto, a par da Gestene (empresa sediada no Seixal e produtora de hidrogénio para este projeto) e da Floene que é responsável pela distribuição do gás com a integração do hidrogénio.

No futuro, este projeto irá estender-se a todo o território nacional, sendo os primeiros utentes um conjunto 80 agregados familiares e empresas do concelho do Seixal (70 residenciais, uma industrial e as restantes oriundas do setor terciário), incluindo o edifício dos Serviços Operacionais da Câmara Municipal do Seixal.

 O hidrogénio verde é o elemento químico mais leve e abundante existente no universo, tornando-se num portador de energia com elevada densidade, não emitindo gases com efeito de estufa durante a sua produção. É, por isso, considerado uma solução limpa para processos industriais, armazenamento de energia, substituição de combustíveis fósseis nos transportes ligeiros e pesados e com potencial para substituir o gás natural como fonte de calor.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *