Atualidade

Seis mil comboios suprimidos em apenas um mês e maquinistas da CP admitem novas greves já em Maio

Depois de um início de ano marcado pela supressão de milhares de comboios de norte a sul de Portugal, o presidente do Sindicato Nacional dos Maquinistas dos Caminhos de Ferro Portugueses admitiu esta sexta-feira novas greves já em Maio.

A dois dias do fim de uma greve de um mês, o presidente do sindicato António Domingues lamentou aos microfones da TSF que mesmo com uma forte adesão dos trabalhadores o protesto não tenha tido efeitos práticos.

“Desde 1 de Abril até ao dia de hoje foram suprimidos muitos comboios, apontamos para números a rondar os seis mil comboios até este momento. Desse ponto de vista é positivo, porque a adesão é total e isso é demonstrativo do descontentamento dos trabalhadores face às dificuldades que existem e a resistência da tutela e da empresa em reporem aquilo que nós reivindicamos e que achamos que é justo. Aquilo que solicitamos é a reposição do poder de compra. Por outro lado, posso dizer que é negativo, porque, até ao momento, não houve um desenvolvimento que vá ao encontro das nossas expectativas e que possibilite terminar o conflito”, explicou o dirigente sindical àquela estação de rádio.

“Temos a expectativa de nos reunirmos novamente com a tutela nos próximos dias e que a situação seja resolvida. Se não for, faremos greve até onde for possível. Já temos pré-avisos de greve alinhavados, se não houver desenvolvimentos as greves irão continuar já em Maio”, acrescentou.

Entre as principais reivindicações dos trabalhadores estão “aumentos salariais efectivos, valorização da carreira” e a melhoria das condições de trabalho nas cabines de condução e instalações sociais e das condições de segurança nas linhas e parques de resguardo do material motor.



ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *