AtualidadeMundoPolítica

Rússia bombardeia Roménia

Devido às tensões da guerra Rússia-Ucrânia, o Mar Negro tem sido o teatro de operações militares por parte dos militares russos.

De acordo com o jornal CNBC, têm dado à costa minas navais, provenientes da Rússia, tendo sido a última avistada e desativada pelas autoridades navais romenas, na zona costeira de Eforie no passado dia 31 de julho.


Apesar dos países em questão se acusarem de plantar estas minas, as mesmas têm consequências a nível de segurança e a níveis económicos, visto que o Mar Negro é palco de exportações de grãos, petróleo e produtos derivados de petróleo.

O ministro da defesa romeno, Vasile Dîncu, afirmou que a mina náutica foi intercetada pelas forças armadas romenas a 3,7 quilómetros da costa.

Estes engenhos explosivos metem em risco os navios comerciais e as cadeias de abastecimento que usam o Mar Negro como rota.

Uma plataforma costeira de exploração de gás começou a sua operação em junho sem seguro devido aos riscos impostos pela guerra que decorre na Ucrânia desde o dia 24 de fevereiro.

O Mar Negro é partilhado pela Roménia, Bulgária, Geórgia, Turquia, bem como pela Ucrânia e pela Rússia.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.